CIPROLAC VACA SECA - Animais de Grande Porte

CIPROLAC VACA SECA


Descrição

Clique aqui para fazer o download da BULA.

Clique aqui para fazer o download da FISPQ.

Cada seringa de 10 g contém:

Ciprofloxacina

(Cloridato) ........................ 400,00 mg

Veículo q.s.p ..................... 10,00 g

Indicações principais:

Ciprolac Vaca Seca é eficaz na prevenção e no tratamento de mastites, em vacas no período seco, causadas principalmente pelos agentes Corynebacterium bovis, Escherichia coli, Klebsiella pneumoniae, Staphylococcus agalactiae, Streptococus dysgalactiae, Streptococus uberis, Enterobacter aerogenes e Trueperella (Arcanobacterium) pyogenes.

 

Modo de Uso e Dosagens:

Após a última ordenha da lactação e assepsia do úbere, administrar pela via intramamária todo o conteúdo de 01 seringa, ou seja, 10 g de Ciprolac Vaca Seca em cada quarto do úbere, o que equivale a 400 mg de ciprofloxacina por quarto tratado. Recomenda-se, após a aplicação, massagear o teto de baixo para cima  no úbere, para uma melhor dispersão do produto na glândula mamária.

Contraindicações e Limitações de Uso:

O produto não deve ser utilizado em vacas que apresentam hipersensibilidade aos componentes da formulação, assim como em vacas em período de lactação.

Precauções:

Obedecer às dosagens recomendadas para uso do produto.

Não administrar pela via intramamária outros medicamentos associados ao Ciprolac Vaca Seca.

Somente o médico Veterinário está apto a fazer alterações nas dosagens do produto.

Não utilizar o produto com o prazo de validade vencido.

A exposição a temperaturas extremas, como calor e frio excessivos, e ação da luz solar direta podem alterar a qualidade do produto.

 

Carência:

Bovinos

Abate: O abate dos animais tratados com este produto deve ser realizado 50 dias após a última aplicação.

Leite: O leite dos animais tratados com este produto não deve ser destinado ao consumo humano até 59 dias após a última aplicação deste produto.

  • Segmento:

    Anti-mastíticos

  • Marca:

    Ourofino